Roteiro Portugal e Espanha: roadtrip pelos dois países

Cadiz, uma joia no sul da Espanha

Esse post traz um roteiro Portugal e Espanha completo, saindo carro de Madrid, passando por Toledo, atravessando Andaluzia, pueblos blancos,  chegando finalmente a Évora e depois Lisboa. Ao todo são cerca de 1300 km. Não determinamos a quantidade de dias, mas seria bom ter pelo menos uns 15-20 dias.

Se tiver mais, ainda indico uma escapa até Tanger e Chefchaouen, pegando o ferry em Tarifa (no caminho entre Granada a Cádiz)

Agora uma dica importante é que, se você viaja com crianças, é bom alugar um carro maior e mais confortável, e reservar pelo menos duas-três noites em cada cidade para não ser exaustivo.

Para a locação do veículo, uma dica é usar um buscador de preços. A gente usa a rentalcars  ou  rentcars , porque eles pesquisam preços em todas as locadoras locais e fica mais fácil comparar os valores. Na hora de alugar o carro, faça apenas quando estiver saindo de Lisboa (em Lisboa você não vai precisar de carro).

Mapa Roteiro completo roadtrip Portugal Espanha:

Roteiro de Madri à Lisboa

Madrid: parada 1 do roteiro de carro Portugal Espanha:

Nosso roteiro Portugal e Espanha começa em Madrid. A capital espanhola é para todos. Das ruelas entre casarões antigos a praças movimentadas, Madrid respira vanguardismo sem perder o charme histórico guardado no tempo. Museus, praças, bares e festas noturnas fazem parte do roteiro.

O que fazer em Madrid:

Assim como outras cidade europeias, Madrid tem um centro histórico riquíssimo.  Entre os lugares para se visitar estão o Palácio Real, a Catedral de Santa Maria, Plaza de Oriente, Teatro Real.

  • Para entrar no buzz de Madrid, você precisa ir para a Plaza de España e, de lá, vale seguir pela animadíssima Gran Via, principal rua da cidade, com dois quilômetros  de lojas, cafés e restaurantes.
  • Outro ponto famoso em Madrid é a Plaza Mayor, que é cercada por antigos hotéis e lojas, e que vibra no final da tarde com estudantes e restaurantes cheios. Aqui perto fica também o Mercado San Miguel, com comidas e variantes. (O melhor pra conhecer essa partezinha da cidade é começar pela Puerta del Sol e descer pela Calle Mayor até a Plaza Mayor)
  • Próximo a área central e de fácil acesso de metrô está o Parque de El Retiro, construído em 1630. O lugar tem 118 hectares com monumentos, parques abertos, chafariz e prédios da mesma época. Destaques para o Palácio de Cristal e de Velázquez, no jardim principal. Se a viagem for em família, esse é um dos lugares perfeitos em Madrid para ir com criança, fazer um pique nique e andar de barco no lago.
  • Já entre os museus, o destaque fica para os do Prado, com 1.500 obras expostas, o Reina Sofia e o Thyssen-Bornemisza, que juntos formam o Triángulo del Arte da cidade.
  • Para quem gosta de bater perna e conhecer ruazinhas charmosas, no bairro Malasaña fica a  Calle del Espíritu Santo, toda colorida e cheia de  cafés. Aqui você vai a vida local, moradores passeando com seus cachorros e bikes.  Aproveite para almoçar no Greek & Shop , e tomar um café no retro-chic Lolina Vintage Café  ou cair dentro de um cupcake no Happy Day.
  • Se estiver com crianças, inclua no roteiro uma visita ao  Parque de Atracciones de Madrid, onde fica o Warner Studios. Ele é um  distante do centro, mas basta pegar o metrô linha 10 até a estação de Batán, que fica a 50 metros da entrada.
Roteiro de carro Portugal e Espanha

Roteiro de carro Portugal e Espanha: Fim de tarde na Plaza Mayor em Madrid

o que fazer em madrid

O que fazer em Madrid: Praça da Puerta del Sol

Roteiro Portugal e Espanha atrações madrid

Roteiro Portugal e Espanha atrações Madrid: A movimentada Gran Via

Dicas de Madrid

Dicas de Madrid: A charmosa Calle del Espíritu Santo

Onde se hospedar em Madrid:

O Oriente Palace Apartments é lindíssimo e muito bem localizado. Fica a  1 minuto a pé do Palácio Real e a 400 metros da Plaza Mayor. Os apartamentos tem um estilo clássico mas bem clean, e alguns têm cozinha.

melhores hoteis madrid

Melhores hotéis de Madrid: Quarto do Oriente Palace Apartments

Onde ficar em Madrid

Onde ficar em Madrid: Acomodações maiores do Oriente Palace Apartments

Também nessa região fica o Gran Meliá Palácio de Los Duques, que integra a coleção do The Leading Hotels of the World. É daqueles hotéis que transformam a viagem. A propriedade ocupa um palácio do séc XIX a poucos passos do Palácio Real, tem piscina, terraço panorâmico, jardim e quartos lindos!

hoteis em madrid

Hotéis em Madrid: Jardim do Gran Meliá Palácio de Los Duques

Dicas de hoteis em Madrid

Dicas de hotéis em Madrid: Jacuzzi do Gran Meliá Palácio de Los Duques

Onde se hospedar em Madrid

Onde se hospedar em Madrid: Suíte ampla e clássica do Gran Meliá Palácio de Los Duques

Para quem gosta de ficar em apartamentos, a gente recomendo o Opera Boutique. Fica a 200 metros da Plaza Mayor, é bem moderninho, e todo equipado.

Roteiro Espanha Portugal de Carro

Roteiro Espanha Portugal de Carro: Sala do Opera Boutique

Onde se hospedar em Madri

Onde ficar em Madri: Apart Opera Boutique com quarto e sofá-cama para famílias

De Madri para Toledo: continuando o roteiro pela Espanha

De Madri para Toledo são 73km. Toledo é daquelas cidade pequenas que você não vai se cansar de andar. Mesmo dando para conhecer os principais pontos turísticos em um dia, permita-se passar pelo menos uma noite aqui. A arquitetura medieval se mistura com forte influência árabe, em prédios que parecem mais arte do que simples construções, e perder-se por suas ruelas será sempre uma nova surpresa.

O que fazer em Toledo:

No estilo medieval, Toledo é rodeada por uma extensa muralha erguida no século XI e rodeado pelo Rio Tejo, com várias entradas A principal delas é a Puerta de Bisagra, de origem árabe. A Puerta del Sol também é linda. Não deixe também de conhecer as pontes que dão acesso ao centro pelo rio Tejo. Uma delas fica no lado leste, em frente a Porta de Alcántara, que dá o mesmo nome a ponte.

As igrejas, mesquitas e mosteiros também são comuns, e cada uma delas vale à visita. As principais são a Catedral de Toledo e a Igreja dos Jesuítas.

Para bater perna, siga pela Plaza Mayor e Calle Comercio, e vá se perdendo pelas ruas vizinhas.

O que fazer em Toledo

O que fazer em Toledo: Arquitetura medieval da cidade de Toledo

toledo o que fazer

Dicas de Toledo: As ruelas charmosas de Toledo

Onde se hospedar em Toledo:

Um dos melhores hotéis da cidade é o Entre dos Águas, próximo Convento de Santo Domingo, no centro. Seguindo a linha de influência árabe, suas quartos e demais instalações são decorados com elementos orientais, misturado com violões e guitarras, que é paixão dos donos. Os quartos são equipados com máquinas de café, amenidades no banheiro e, alguma unidades, possuem varanda.

hoteis em toledo

Hotéis em Toledo: Quarto do Entre dos Águas

Onde ficar em Toledo

Onde ficar em Toledo: Vista do terraço do Entre dos Águas

Outra opção que fica fora do centro, mas próxima da escada rolante que dá acesso á área. O Hacienda del Cardenal fica em um jardim super charmoso rodeado por uma muralha árabe do século XI, e as instalações seguem a mesma linha. O restaurante serve pratos da culinária local, sempre com ingredientes frescos.

Onde se hospedar em Toledo

Onde se hospedar em Toledo: Suíte do Hacienda del Cardenal

Melhores hotéis em Toledo

Melhores hoteis em Toledo: Piscina do Hacienda del Cardenal em meio a construção medieval da propriedade

De Toledo para Granada: entrando na Andaluzia

O trajeto de Toledo para Granada é um batidão de 368 km, mas de boas estradas. Se a cidade de Toledo respira a mistura cultural herdade de antigas conquistas, Granada dá lugar a uma influência predominante árabe, que pode ser vistas todos os cantos. Do principal ponto turístico, o complexo de Alhambra, até os bairros mais afastados, fachadas, praças e casas lembram uma cidade do Oriente perdida em meio aos campos espanhóis. Para Granada, separe pelo menos 3 noites.

O que fazer em Granada:

A cidade de Granada ficou famosa pelo complexo de Alhambra, construído por árabes e reis cristãos ao longo dos séculos, e que hoje é Patrimônios da Humanidade da UNESCO. Protegida por fortalezas, o lugar une jardins, palácios, fontes e pátios preservados com o tempo. A visitação completa pode durar mais de um dia, então vá preparado com roupas e sapatos confortáveis. Aproveite para conhecer também duas teterías (casas de chá) ótimas aqui: a Abaco Té e a Palácio Nazarí.

Outro ponto a se conhecer em Granada é o Bairro de Albaicín, onde fica a Alhambra. Casinhas brancas com sacadas, mirantes (como o  Mirador de San Nicolás) e cuevas de flamencos. Albaicin é linda, e tem vista não só para o complexo principal, como também para a parte baixa e para os alpes espanhóis.

Não deixe de fora uma visita pelo centro da cidade. As ruelas escondem lojas, restaurantes de comida típica, cafeterias e também importantes construções espanholas, como a Catedral de Granada e a Capilla Real (essa guardou  os túmulos dos reis católicos). Dê uma volta pela Alcaicería, o bairro mais árabe de Granada, e explore as Caldedería Nueva e a Calle Elvira, duas ruas cheias de lojas vendendo artigos árabes.  A dica aqui é não sair da cidade sem experimentar as tapas, e conhecer algumas das teterías, casas de chás árabes muito frequentadas pelos locais. Recomendamos a Kasbah, Al Sirat e a Dar Ziryab (ambas na Caldedería)

O que fazer em Granada

O que fazer em Granada: Juju bem pequenininha em Granada

Dicas de Granada

Dicas de Granada: Rico e Juju no Complexo de Alhambra

roteiro andaluzia

Roteiro Andaluzia: Os coloridos e ricos mercados de Granada

roteiro de carro sul da espanha

Roteiro de carro sul da Espanha: Ruas nas proximidades do centro de Granada

Granada em 3 dias

Granada em 3 dias: Interior do Palácio de Alhambra

espanha road trip

Espanha Road Trip: Mistura arquitetônica de Granada

Onde se hospedar em Granada:

As melhores regiões para se hospedar em Granada é no centro e em Albaicin.

Em Albaicin, recomendamos por lá o Casa 1800 Granada. O hotel é lindíssimo, e ocupa um prédio do século XVI no centro de Granada, a 500 metros da Alhambra. A propriedade oferece lanches gratuitos à tarde, WiFi  e tem um pátio típico andaluz.

melhores hoteis de granada

Melhores hotéis de Granada: O quarto clássico da Casa 1800 Granada

Onde ficar em Granada

Onde ficar em Granada: Casa 1800 Granada tem vista para Alhambra

Tem também o Palácio de Mariana Pineda, localizado mais próximo ao Alhambra e nesse mesmo estilo. A propriedade lembra casas de campo do século XVII, e conta com wi-fi gratuito nos quartos.

Dicas de hotéis em Granada

Dicas de hotéis em Granada: Fachada do Palácio de Mariana Pineda

onde ficar em granada

Onde ficar em Granada: Elegância dos quartos do Palácio de Mariana Pineda

Hotéis em Granada

Hotéis em Granada: O Palácio de Mariana Pineda tem vista para o complexo de Alhambra

Pra quem quiser um hotel mais contemporâneo e bem no centro, recomendo o Gar Anatt Boutique  ou o apartamento Casa de La Catedral (com vista para a Catedral!)

Onde se hospedar em Granada

Onde se hospedar em Granada: Design do Gar Anatt Boutique

onde ficar em granada

Onde ficar em Granada: Quarto do Casa de La Catedral

De Granada para Ronda: entendo nos Pueblos Brancos

Duas horas, ou 180 km, ligam Granda a Ronda. Ronda não está oficialmente na rota dos Pueblos Blancos, mas tem o mesmo estilo de casas branquinhas, e com um plus: a cidade fica em um planalto, circundada por fendas feitas por antigos rios da região. Você vai se impressionar com a vista distante das montanhas e das casas quase penduradas nos abismos, mas também vai adorar passear pelo pueblo.

O que fazer Ronda:

Por ser uma cidade antiga e com uma geografia tão diferente, sugerimos que você comece pelos arredores da Puente Nova. De lá da para ter ideia da erosão causada pelo rio El Tajo, que corta parte de Ronda. Mas não é só por ela que dá para apreciar a vista. Próximas ficam também a Puente Viejo e a San Miguel, com pouco menos de visitantes.

Como toda cidade histórica, Ronda também tem um simpático centrinho, ótimo para passar o dia batendo perda entre ruas, lojas e cafeterias. Lá você vai encontrar como pontos históricos a Puerta de Felipe V, o Palácio de Salvatierra, o Palácio de Mondragón, a Plaza Duquesa de Parcent e a Iglesia Mayor. Aproveite para almoçar ou jantar pelas ruas próximas, com ótimos restaurantes espanhóis.

E se for no verão, aproveite para dar um mergulho na Cueva del Gato.

O que fazer em Ronda

O que fazer em Ronda: A magnífica Puente Nova

Dicas de Ronda

Dicas de Ronda: A vista da cidade de Ronda

roteiro de carro andaluzia

Roteiro de carro Andaluzia: Centrinho de Ronda

Viagem Ronda Espanha

Viagem Ronda Espanha: Vários restaurantes e cafés no centro de Ronda

Onde se hospedar em Ronda:

A cidade é bem democrática quando se fala de hospedagem. Há boas opções, tanto no entorno da Puente Nova, quanto nos bairros mais distantes. Se optar por ficar próximo aos pontos turísticos, recomendamos o Hotel Catalonia, que tem vista para a Plaza de Toro. O local tem quartos amplos, equipados e o café da manhã é servido com toque da culinária andaluza.

Onde se hospedar em Ronda

Onde se hospedar em Ronda: O Hotel Catalonia

Dica de hotéis em Ronda

Dica de hotéis em Ronda: Os janelões do quarto do Hotel Catalonia

Se quiser uma propriedade rural, a gente recomenda o La Fuente de La Higuera.

Hotéis em Ronda

Hotéis em Ronda: Vista panorâmica do hotel La Fuente de La Higuera.

Onde ficar em Ronda

Onde ficar em Ronda: La Fuente de La Higuera. tem quartos iluminados e grandes

 

De Ronda para Cádiz: quase no Marrocos!

São apenas 115 km de estrada, e você chega ao destino. A vida se move num ritmo emocionante em Cádiz, a cidade andaluza  de casas brancas, onde o som do flamenco e das gaivotas paira no ar.  Nem tão famosa quanto Granada e Sevilha, mas linda e deliciosa, Cádiz vibra,  tem cheiro de mar,  uma linda luz dourada e história pacas pra contar. A cidade foi fundada em torno de 1000BC, e já foi habitada pelos fenícios, romanos e  árabes. Sentiu o naipe, né?

O que fazer em Cádiz:

Conhecer Cádiz envolve se perder com calma pelas ruas da cidade velha. E isso inclui as idas e vinda da orla, a passear por longas ruas comerciai como as caules Ancha, Sagasta e Columela. Com um diâmetro de cerca de dois quilômetros, a Cidade Velha se sente mais como uma aldeia com ruas cheias de gente alegre, restaurantes e praças. Aqui uma lista do que não perder:

  •  Plaza de las Flores: linda, cheia de restaurantes e… flores.
  • O Mercado de Abastos: é o mercado de peixes frescos, com restaurantes e bares.
  • Bairro del Pópulo: é o centro histórico de Cádiz (declarado Monumento Histórico Artístico), com um labirinto de ruelas. O bairro conserva os três portões da primitiva cidade medieval: o Arco del Pópulo, o da Rosa e o dos Brancos,  palácios barrocos e o Teatro Romano
  • Bairro de la Viña: é o bairro mais característico, e onde acontece o carnaval de Cádiz.
roteiro sul da espanha cadiz

Roteiro sul da Espanha Cádiz: Cidade de Cádiz vista de cima

Roteiro de carro Espanha e Portugal

Roteiro de carro Espanha e Portugal: Os detalhes do Teatro Romano de Cádiz

Dicas de Cádiz

Dicas de Cádiz: A Imponente Catedral Nova de Cádiz

o que fazer em cadiz

O que fazer em Cádiz: Ruelas do centro histórico de Cádiz

Roteiro Espanha Portugal

Roteiro Espanha Portugal: Praça na frente da Catedral Nova de Cádiz

Onde se hospedar em Cádiz:

A parte antiga da cidade é a melhor para escolher as hospedagens. Ela fica próxima aos monumento principais e da praia de La Caleta, onde tem o agito noturno. A primeira indicação é o hotel Casa de las quatro torres, a 500 metros da Plaza San Antonio.

Onde se hospedar em Cádiz

Onde se hospedar em Cádiz: Detalhes rústicos do Hotel Casa de las quatro torres

Também indico o Apartamentos Maier, a alguns metros da Catedral, e com um decoração bem moderna. Tem cozinha, terraço e é todo equipado.

Onde ficar em Cádiz

Onde ficar em Cádiz: Terraço do Apartamentos Maier

Hotéis em Cádiz

Hotéis em Cádiz: Hospedagem completa dos Apartamentos Maier

Melhores hotéis de Cádiz

Melhores hotéis de Cádiz: Sala e cozinha dos Apartamentos Maier

Sevilha, finalmente: riqueza e história

De Cádiz para Sevilha, são pouco mais de 100km. Destino obrigatório na Andaluzia, Sevilha já foi ocupada por romanos e árabes, que usavam a proximidade com o rio Guadalquivir para ter acesso ao Oceano Atlântico. Essas dominações deixaram uma cidade repleta de casarios, palacetes belíssimos, parques e igrejas de tirar o fôlego. Sevilha já é bem maior que Granada e Ronda, e você vai precisar de pelo menos duas ou três noites por aqui.

O que fazer em Sevilha:

Sevilha tem muito para se ver. Comece pelo bairro de Triana, onde fica a Plaza de España e o parque María Luisa.  Ainda em Triana dá para se visitar o Real Alcázares de Sevilha, um complexo palaciano com construções datadas de diversas épocas e estilos. Perto de lá fica também a Catedral da cidade, uma das maiores igrejas em estilo gótico da Europa. Quem tiver disposição pode aproveitar e subir sua torre para ver Sevilha do alto.

E não para por ai. A pé ainda dá para visitar a Universidade de Sevilha, a Torre del Oro, a Plaza de Toro e a Puente de Triana. Mas não se limite só aos principais pontos turísticos. Sevilha tem herança arquitetônica que vai atém de prédios públicos. Muito restaurantes e cafeterias conservam as instalações originais. Duas indicações são o Taberna Coloniales e o Bodeguita Romero, ambos servindo pratos tradicionais de Sevilha, como tapas e as batatas “aliñas”;

Outro bairro que  a gente amou foi Santa Cruz, com ruas estreita, e casas brancas de janelas amarelas com varandas floridas.  Aqui também fica um casa de flamenco (gratuita): o La Carbonería, na calle Levíes nº 18.

dicas de sevilha

Dicas de Sevilha: Catedral da cidade de Sevilha

o que fazer em sevilha

O que fazer em Sevilha: A surpreendente arquitetura da cidade

Roteiro Sevilha Espanha

Roteiro Sevilha Espanha: Detalhes da Plaza de España

sevilha dicas

Sevilha dicas: outra parte da Plaza de España

O que visitar em Sevilha

O que visitar em Sevilha: Bairro colorido de Triana.

O que fazer em Sevilha

O que fazer em Sevilha: Mais detalhes de Sevilha

Onde se hospedar em Sevilha:

Para experimentar um pouco do passado de Sevilha, indicamos dois hotéis. O primeiro é o Hotel Alfonso XIII, um Luxury Collection ao lado do Real Alcazares e com quartos decorados no estilo palacete árabe.

Onde se hospedar em Sevilha

Onde se hospedar em Sevilha: Hotel Alfonso XIII e sua decoração clássica

onde ficar em sevilha

Onde ficar em Sevilha: Vista do terraço do Hotel Alfonso XIII

Hoteis em Sevilha

Hotéis em Sevilha: Quarto do Hotel Alfonso XIII

Outro super incrível é o EME Catedral, como o nome já diz, de frente pra Catedral. Os quartos são amplos, com janelões e uma decoração bem moderna.

Dicas de hotéis em Sevilha

Dicas de hotéis em Sevilha: Vista do EME Catedral

Hotéis em Sevilha

Hotéis em Sevilha: EME Catedral tem janelas grandes com vista para a Catedral e a rua

melhores hoteis em sevilha

Melhores hotéis em Sevilha: Terraço do EME Catedral

Também gostamos muito do Hotel Fernando III,  que conserva parte da estrutura original mesclada com elementos contemporâneos. Também super bem localizado, no Centro Histórico, e com preço mais baixo.

Onde ficar em Sevilha

Onde ficar em Sevilha: Quarto do Hotel Fernando III

Onde se hospedar em Sevilha

Onde se hospedar em Sevilha: Vista e varanda do Hotel Fernando III

Roteiro de carro Portugal e Espanha

Roteiro de carro Portugal e Espanha: Vista da piscina do Hotel Fernando III

 

Évora: chegando em Portugal

Para atravessar da Espanha para Portugal, vai ser preciso fazer uma batida mis puxadinha, de uns 300km. E cá chegaremos em Évora, no Alentejo, essa simpática cidade histórica com muitos monumentos  que resistem ao tempo e contam um pouco das origens da cultura lusitana, passando pela dominação romana até chegar a monarquia portuguesa. O centro histórico é tão preservado que a Évora ganhou o título oficial de cidade-museu. E a antiguidade caminha junto com muita animação: Évora é também uma cidade universitária.

O que fazer em Évora:

Por guardar muito da arquitetura romana, nossa dica é visitar as atrações turísticas principais, sem tirar o olho da arquitetura dos antigos casarios. Comece pelo Templo de Évora (conhecido como Templo de Diana), com ruínas datam do século II.  Próximos ficam o Museu de Évora, que conta a história da região de Alentejo, e o Palácio dos Duques de Cadaval.

Na rua nos fundos é possível visitar a mais imponente catedral da cidade, a Sé de Évora. O tour completo pelo edifício dá direito a subir no telhado e ter uma vista diferente da cidade Não deixe de ir até a Praça do Giraldo e de visitar a Câmara Municipal, as Termas Romanas, e a famosa Capela dos Ossos, que é feita com a ossada de cerca de 5 mil pessoas. Para tirar fotos é preciso pagar um adicional de $1 euro.

E pra quem gosta de vinhos, é possível visitar os  vinhedos e produtores dessa região.

roteiro portugal evora

Roteiro Portugal Évora: Cidade vista de cima

O que fazer em Évora

O que fazer em Évora: O histórico Templo de Évora

Onde se hospedar em Évora:

A cidade de Évora é muito rica em arquitetura, então ficar em hotéis e pousadas que sigam esse espirito completa ainda mais a visita. No centro histórico, recomendamos o charmoso The Noble. Ele é um mix, e fica num prédio que mistura a influência romana e portuguesa, com muros de pedra, azulejos e teto abobadado. O hotel fica a cerca de 500 metros da Capela dos Ossos e da Praça do Giraldo.

hoteis em evora

Hoteis em Évora: Quarto do The Noble.

Onde ficar em Évora

Onde ficar em Évora: Detalhes do hotel The Noble.

Melhores hotéis em Évora

Melhores hotéis em Évora: A simpática cozinha do The Noble.

Se quiser uma experiência de hospedagem ainda mais genuína, a gente indica o hotel Convento do Espinheiro, a pouco menos de 4km do centro. A propriedade tem 80.000 m² de jardins lindos,e ocupa um convento renovado do século XV. Faz parte do A Luxury Collection, e é totalmente kidsfriendly.

Hotéis em Évora

Hotéis em Évora: Entrada do charmoso hotel Convento do Espinheiro

Onde se hospedar em Évora

Onde se hospedar em Évora: Convento do Espinheiro tem uma adega para degustação de vinhos locais

Onde ficar em Évora

Onde ficar em Évora: Parte interna do Convento do Espinheiro

Hotéis em Évora

Hotéis em Évora: Piscina e área de descanso do Convento do Espinheiro

Melhores hotéis de Évora

Melhores hotéis de Évora: Convento do Espinheiro

Onde ficar em Évora

Onde ficar em Évora: Quarto com vista do Convento do Espinheiro

Lisboa: a cidade mais vibrante e linda de Portugal

De Évora para Lisboa são apenas 138 km de estradas.

Velha conhecida do país lusitano, Lisboa é um daqueles destinos que você pode voltar mil vezes que ainda vai se encantar. Remodelada nos últimos anos, a cidade além de vibrar história, agora conta com a energia jovem que invade as áreas do Cais.

O que fazer em Lisboa:

Fiz uma série de posts  bem completinhos sobre Lisboa. Neles, está tudo o que você precisa saber sobre a cidade.

Lisboa, onde encontrar a sua tribo

Lisboa bairro a bairro e onde se hospedar

Roteiro de 10 dias em Portugal

Chip internacional

A gente sempre usa o chip da EasySim4u (T-Mobile). Pega em todos os lugares, e é o plano mais barato levando em conta que é internet ilimitada: custa US$35 para 5 dias. E tem uma vantagem que acho sensacional: você compra pela internet, e o chip chega na sua casa já configurado. Daí é só desembarcar e usar, sem perda de tempo nas lojas para comprar e ativar.

 

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

SalvarSalvarSalvarSalvar

20 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.