Guia Alentejo: roteiro de 5 dias pela região portuguesa

Cidadezinhas pequenas, históricas e charmosas. Essa é a cara da região do Alentejo, na parte sul de Portugal. Ainda pouco explorada pelo turismo, ela conserva as tradições portuguesas de um jeito único, com uma culinária rica, construções de diferentes períodos e um povo muito acolhedor.

Nesse post separamos as cinco principais cidades para conhecer no Alentejo, montando um roteiro simples com todas as informações necessárias para completar a viagem.

Entendendo a região do Alentejo:

Alentejo é uma região que fica na parte centro-sul de Portugal, mais próxima de Lisboa e fazendo divisa com Algarve.

A cidade mais conhecida é Évora, mas vamos listar aqui outras que são ideais para conhecer nesse roteiro.

  1. Évora.
  2. Estremoz.
  3. Vila Viçosa.
  4. Elvas.
  5. Monsaraz.

No mapa, a parte verde representa a região do Alentejo, que tem cidades lindas no interior e também no litoral.

Quanto tempo ficar no Alentejo? Se a viagem for curta, sugerimos fazer esse roteiro de 5 dias, passando pelas cidades mais charmosas e conhecidas. Agora, se tiver mais tempo para explorar, fique rodando pela região por 15 dias. Esse tempo é suficiente para explorar tudo muito bem.

Mapa de Alentejo, Portugal.

Mapa de Alentejo, Portugal.

Cidades para visitar em Alentejo:

Cidade:O que fazer:
ÉvoraDia 1: Explorar a Praça do Giraldo e a Igreja de Santo Antão, seguir para a Catedral de Évora, depois para o Templo Romano de Évora, entrar na Igreja da Graça, ver produtos locais no Mercado Municipal de Évora, finalizar com a Igreja de São Francisco e a Capela dos Ossos e jantar no
EstremozDia 2: Caminha pela Cidade Baixa, começando pelo Rossio, a praça principal. Seguir para a Cidade Alta e visitar o Palácio Real e a Torre das Três Coroas. Visitar também o Centro de Ciência Viva.
Vila ViçosaDia 3: Caminhar pela Praça da República até a Igreja do Colégio e o Castelo de Vila Viçosa. Seguir até a Paço Ducal e o Convento dos Agostinhos. Terminar a tarde no Museu do Mármore Raquel de Castro.
ElvasDia 4: Iniciar a visita pelo Forte de Santa Luzia. Retornar para a cidade fortificada e caminha pelas ruas fofas, visitando o Castelo de Elvas, a Igreja de Igreja de Nossa Senhora da Assunção e o Aqueduto Romano de Amoreira.
MonsarazDia 5: Passeio pelo Castelo de Elvas e pelas duas igrejas, Nossa Senhora da Lagoa e de São Tiago. Almoçar e passear pelas ruelas da cidade. Seguir para uma vinícola da cidade vizinha de Reguengos de Monsaraz e terminar o dia no Observatório do Lago Alqueva.

O que fazer em Alentejo: Um pouco mais de cada uma das cidades

Roteiro Alentejo: Évora

Viagem de Lisboa para Évora: 1:30 minutos de carro.

Principal cidade do Alentejo, Évora tem estilo medieval, conservada até os dias de hoje como uma das mais belas da região. As muralhas, datadas do século XIV, cercam uma infinidade de construções residenciais e comerciais que têm as mesmas características: a cor branca com detalhes coloridos.

Évora é uma cidade para explorar a pé, Para visitar, tem a Igreja de São Francisco, construída por volta de 1510, a Capela dos Ossos,  que é ligada à igreja, o Templo Romano de Diana, dedicado a Júlio César, e a Igreja da Sá, maior legado medieval de Portugal.

Onde comer em Évora: A cidade é muito tradicional e a culinária segue essa linha, com restaurantes que mantêm a culinária portuguesa legítima.

Um muito conhecido é o Fialho, que surgiu como um “boteco” e hoje é premiado como um dos melhores do Alentejo.

Valem a pena também o Guião, um dos mais antigos de Évora, e o Dom Joaquim, novo, porém com excelente menu. 

Roteiro Alentejo:a Igreja de São Francisco, em Évora

Roteiro Alentejo:a Igreja de São Francisco, em Évora

Ruelas históricas de Évora, em Portugal.

Ruelas históricas de Évora, em Portugal.

Roteiro Alentejo: Templo Romano de Évora.

Roteiro Alentejo: Templo Romano de Évora.

O que fazer em Estremoz

tempo de Évora para Estremoz: 40 minutos de carro.

Localizada no interior da região do Alentejo, Estremoz é uma cidade pequena, mas muito charmosa. Nela, quase todas as construções são brancas e ornamentadas com mármore (nas portas e janelas), matéria prima típica encontrada nas redondezas e vendida para todo o país.

Como Évora, e todas as cidades desse roteiro pelo Alentejo, é para conhecer a pé, iniciando na parte baixa e subindo até a parte alta.

O Rossio é a principal praça da parte baixa, onde se destaca o Lago do Gadanha, um tanque de água todo feito de mármore. Lá tem também igrejas e ruelas charmosas para explorar.

Caminhando para a parte alta, se encontra Palácio Real e a Torre das Três Coroas, construção feita para a Rainha Santa Isabel, e que (como o nome diz) tem uma torre de observação com um visual único.

Perto do palácio fica o Convento de São Francisco e, andando mais um pouco, o Convento dos Congregados. São construções religiosas muito bem conservadas e espetaculares para quem gosta de apreciar arquitetura colonial, principalmente o marmo nas paredes externas.

Atividades diferentes em Estremoz: Quem estiver com crianças deve visitar o Centro de Ciência Viva de Estremoz. As exposições são interativas e os pequenos podem se divertir com experiências inusitadas e participar de brincadeiras com guias locais.

Onde comer em Estremoz: A cidade tem bons restaurantes típicos alentejano, começando pelo Venda Azul, que é muito popular.

Vale fazer reserva no site para garantir uma vaga. Além dele, tem também o Alecrim e o Gadanha Mercearia, que preparam pratos típicos, mas não um toque moderno às receitas.

O que fazer no Alentejo: Visitar a charmosa cidade de Estremoz.

O que fazer no Alentejo: Visitar a charmosa cidade de Estremoz.

Alentejo dicas: Vista da Torre da Rainha Santa Isabel, em Estremoz.

Alentejo dicas: Vista da Torre da Rainha Santa Isabel, em Estremoz.

Ruas de Estremoz, em Portugal.

Ruas de Estremoz, em Portugal.

O que fazer em Estremoz: Convento dos Congregados.

O que fazer em Estremoz: Convento dos Congregados.

Roteiro Alentejo: Vila Viçosa

Estremoz para Vila Viçosa: 20 minutos de carro.

Vila Viçosa é uma das cidade mais charmosas do Alentejo. Assim como Estremoz, o mármore é o destaque nas construções, sempre nas portas e janelas dos prédios, legado históricos do reinado de Dom João IV.

O passeio começa pela Praça da República, onde se destacam a Igreja do Colégio e o castelo de Vila Viçosa (que tem um museu dentro), propriedades da família Bragança.

Outro ponto importante na cidade é o Paço Ducal, onde fica o Convento e Igreja dos Agostinhos. Apesar de ser um monumento importante, quase nunca está aberto (se estiver, faça o tour guiado). Mesmo assim, a arquitetura do lado de fora impressiona.

Além desses pontos históricos, vale visitar também o Museu do Mármore Raquel de Castro, espaço que conta um pouco da extração da matéria prima, muito forte na região, e exposição de peças feitas artesanalmente por locais.

Onde comer em Vila Viçosa: Ao contrário de outras cidades do roteiro, aqui não há muitos restaurantes de destaque, apesar da culinária tradicional ser ótima. Recomendamos para almoço e jantas a Taverna dos Conjurados, o Restaurante Safari e o Café Restauração.

O que fazer no Alentejo: Paço Ducal em Vila Viçosa.

O que fazer no Alentejo: Paço Ducal em Vila Viçosa.

Ruas de Vila Viçosa, em Portugal.

Ruas de Vila Viçosa, em Portugal.

Castelo de Vila Viçosa, no Alentejo.

Castelo de Vila Viçosa, no Alentejo.

Dicas Alentejo: Elvas

De Vila Viçosa para Elvas: 40 minutos de carro.

A cidade de Elvas é um charme, mas o destaque mesmo fica para o Forte da Graça, estrutura gigantesca em formato de estrela que tem o título de patrimônio mundial da UNESCO. Ele foi terminado em 1792 e serviu como proteção, que que a fronteira da Espanha fica próxima, e também como prisão politica.

Depois de visitá-lo, siga para a cidade, explorando as ruas. Tem para conhecer o Castelo de Elvas, a Igreja de Nossa Senhora da Assunção, o Aqueduto Romano de Amoreira com 8 km de extensão, e não deixe de caminhar pela muralhas de Elvas.

Onde comer em Elvas: Não deixe de provar a sericaia, uma receita local de torta feita com ameixas em calda, leite e ovos. Você encontra ela nos restaurantes Adega RegionalTaberna do Adro e Acontece Restaurante.

O impressionante Forte da Graça, em Elvas.

O impressionante Forte da Graça, em Elvas.

Entrada para o Forte da Graça, em Elvas.

Entrada para o Forte da Graça, em Elvas.

Dicas Alentejo: Aqueduto Romano de Elvas.

Dicas Alentejo: Aqueduto Romano de Elvas.

Dicas Alentejo: Largo de Santa Clara, em Elvas.

Dicas Alentejo: Largo de Santa Clara, em Elvas.

Cidades para visitar em Alentejo: Monsaraz

De Elvas para Monsaraz: 1:10h de carro.

Monsaraz é uma cidade pequena e linda. Ela fica em uma parte alta, com vista para a barragem próxima, e cercada por uma fortaleza medieval incrível. Sem dúvida, é a cidade perfeita para fechar o roteiro pelo Alentejo. O destaque aqui para visitar é o castelo do século 13, que – inclusive –  tem entrada gratuita.

De igrejas, há duas, a de Nossa Senhora da Lagoa e de São Tiago, ambas bem conservadas e abertas ao publico. Aproveite também para se perder pelas ruelas dentro dos muros de Monsaraz, que são muito charmosas. O comércio não é intenso, mas tem lojas fofas e bons lugares para comer.

Informação importante: os estabelecimentos, principalmente restaurantes, fecham cedo. Então, não deixa para jantar tarde, pois pode ficar em opções de lugares abertos.

O que fazer nos arredores de Monsaraz:

Quem quiser sair da cidade e fazer atividades próximas, pode apostar na visitação de alguns vinhedos. Ele ficam em Reguengos de Monsaraz, a 15 minutos da cidade história. Os que valem visitar são o Monte dos Perdigões e o Carmim Group, que tem visita guiada e degustação de vinhos.

Há também a Destilaria Gin Sharish, que faz a bebida desde 2013.

Para fechar a viagem, vá de noite para o Observatório do Lago Alqueva, um espaço dedicado à observação do céu. Em dias de céu bom, dá para ver alguns planetas. O lugar abre as 21:30h todos os dias.

Onde comer em Monsaraz: Com pouquíssimos restaurantes, nós recomendamos a Taverna dos Templários, que tem um menu tradicional ótimo e uma vista linda das redondezas.

Vista da cidade medieval de Monsaraz, no Alentejo.

Vista da cidade medieval de Monsaraz, no Alentejo.

Dicas Alentejo: Cidade de Monsaraz.

Dicas Alentejo: Cidade de Monsaraz.

Um pouco mais de Monsaraz, em Portugal.

Um pouco mais de Monsaraz, em Portugal.

Onde ficar no Alentejo:

Há duas opções: fazer base em uma das cidades do roteiro – e visitar as outras em bate-volta – ou dormir um dia em cada uma delas. Se for fazer um roteiro mais curto, sugiro montar base em uma delas, para não perder tempo com check in e out.

Mas se tiver mais dias, aí vale mudar de base, para  vivenciar o que cada lugar tem de melhor.

Encontre aqui mais hotéis no Alentejo.

Onde ficar em Évora:

Uma hotel que gosto muito  é a Pousada Convento de Évora, construção colonial super charmosa ao lado do Templo de Diana.

Os quartos conservam o estilo antigo do convento, mas com remodelação moderna, espaçosos e confortáveis. Ainda tem estacionamento gratuito e wi-fi em todos os espaços.

Dicas de hotéis em Évora: Pousada Convento.

Dicas de hotéis em Évora: Pousada Convento.

Alentejo onde ficar: Pousada Convento de Évora.

Alentejo onde ficar: Pousada Convento de Évora.

Para que for em família e optar por apartamentos, há a Casa das Arcadas, que fica na área central da Praça de Giraldo. O espaço tem um quarto grande, sofá-cama, cozinha, sala, varanda e também um estacionamento gratuito.

Onde ficar em Évora: Apartamento Casa das Arcadas.

Onde ficar em Évora: Apartamento Casa das Arcadas.

Alentejo onde ficar: Casa das Arcadas.

Alentejo onde ficar: Casa das Arcadas.

Onde ficar em Estremoz:

Apesar de ser uma cidade pequena, Estremoz tem um hotel imperdível para se hospedar, o Castelo de Estremoz. Ele foi construído no século XIII para a Rainha Santa Isabel e hoje abriga uma estrutura luxuosa, que conserva classe e modernidade. Os quartos são de época, mas a estrutura de apoio é nova e confortável.

Onde ficar no Alentejo: Pousada Castelo de Estremoz.

Onde ficar no Alentejo: Pousada Castelo de Estremoz.

Hotéis no Alentejo: Quarto da Pousada Castelo de Estremoz.

Hotéis no Alentejo: Quarto da Pousada Castelo de Estremoz.

Já na parte baixa, recomendamos o Pateo dos Solares Charm Hotel. Ele fica em uma propriedade charmosa, com um jardim florido e verde. Os quartos são grandes, bem iluminados, com camas confortáveis e amenidades gratuitas.

Hotéis e Pousadas no Alentejo: Pateo dos Solares Charm Hotel.

Hotéis e Pousadas no Alentejo: Pateo dos Solares Charm Hotel.

Onde ficar em Estremoz: Pateo dos Solares Charm Hotel.

Onde ficar em Estremoz: Pateo dos Solares Charm Hotel.

Onde ficar em Vila Viçosa:

O hotel que indicamos em Vila Viçosa é o Alentejo Marmòris Hotel & Spa, uma construção de época que abriga um dos espaços mais luxuosos da região.

Os quartos são espaçosos, minimalistas e muito confortáveis, todos com detalhes em mármore. Ele conta ainda com SPA, restaurante e piscina ao ar livre.

Alentejo onde ficar: Alentejo Marmòris Hotel & Spa, em Vila Viçosa.

Alentejo onde ficar: Alentejo Marmòris Hotel & Spa, em Vila Viçosa.

Hotéis em Vila Viçosa: Quarto do Alentejo Marmòris Hotel & Spa.

Hotéis em Vila Viçosa: Quarto do Alentejo Marmòris Hotel & Spa.

Outra indicação é a Pousada Convento de Vila Viçosa, ao lado do Jardim do Paço Ducal. Os quartos mantêm o estilo histórico original do convento, porém com muito conforte e modernizações para maior comodidade.

O hotel ainda tem piscina ao ar livre, restaurante, terraço e jardins abertos.

Onde ficar em Vila Viçosa: Pousada Convento de Vila Viçosa.

Onde ficar em Vila Viçosa: Pousada Convento de Vila Viçosa.

Vila Viçosa em Alentejo: Quarto da Pousada Convento de Vila Viçosa.

Vila Viçosa em Alentejo: Quarto da Pousada Convento de Vila Viçosa.

Onde ficar em Elvas:

Recomendamos o Vila Gale Collection Elvas, um hotel charmoso, histórico e bem estruturado no centro de Elvas.

Apesar da aparência antiga, todos os cômodos foram reformados e mobiliados com camas confortáveis, sofás e mesas, além de terem banheiros espaçosos e amenidades gratuitas.

Alentejo onde ficar: Vila Gale Collection Elvas.

Alentejo onde ficar: Vila Gale Collection Elvas.

Cidades para ficar no Alentejo: Quarto do Vila Gale Collection Elvas.

Cidades para ficar no Alentejo: Quarto do Vila Gale Collection Elvas.

Onde ficar em Monsaraz:

Por ser uma cidade pequena, Monsaraz tem poucos lugares para ficar. Entretanto, se quiser parar por lá, indicamos a Pousada Dom Nuno, que fica na parte alta.

Os quartos são bem grandes e quase todos tem vista panorâmica na região. Vale lembrar que não tem estacionamento e o carro precisa ser deixado na rua.

Vista da Pousada Dom Nuno, em Monsaraz.

Vista da Pousada Dom Nuno, em Monsaraz.

Hotéis no Alentejo: Quarto da Pousada Dom Nuno.

Hotéis no Alentejo: Quarto da Pousada Dom Nuno.

Quando ir para o Alentejo:

Tirando os meses de julho e agosto, quando as temperaturas estão muito altas, todos os outros períodos do ano são ótimos para conhecer a região do Alentejo.

No inverno, as cidades do interior ficam ainda mais charmosas e os passeios mais agradáveis. Se quiser ir para o litoral, vá antes ou depois do alto verão, em junho e setembro.

Como se locomover pelo Alentejo:

Nesse roteiro, o carro é indispensável. Por mais que haja algumas poucas linhas de ônibus, elas tem horários não tão regulares, o que atrapalha no deslocamento entre uma cidade e outra. Opte pelo aluguel de veículo, será muito melhor.

Nós sempre usamos os sites rentalcars ou  rentcars para escolher qual carro é mais adequado em cada tipo de viagem que fazemos.

Como se locomover pela região do Alentejo, em Portugal.

Como se locomover pela região do Alentejo, em Portugal.

Seguro viagem para a Europa:

Tão importante quanto organizar o roteiro, é escolher o melhor seguro viagem internacional. Esse item não só é essencial para evitar possíveis imprevistos, como também é obrigatório para todos os viajantes que entram na Europa. A cobertura do mesmo deve ser de pelo menos 30.000€ (ou o equivalente em dólares) para gastos médicos.

Nós sempre comparamos preços e escolhemos os nossos pelo site da Seguros Promo. Ele funciona como um buscador, que compara valores e cobertura oferecida por cada uma das empresas cadastradas.

Leia também:

As praias mais lindas de Portugal: descubra o Algarve

Roteiro de 10 dias em Portugal

Roteiro Portugal e Espanha: roadtrip pelos dois países

5 destinos baratos na Europa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.