Onde ficar em Roma: Hotel de Russie

Giuseppe Valadier foi um arquiteto, designer e urbanista do século XIX e um dos grandes nomes do Neoclassicismo na Itália. São dele obras importantes como os relógios da Basílica de São Pedro, a Piazza del Popolo, a Villa Torlonia, e o  restauro de monumentos importantes como o Arco de Tito. E  também é projeto dele o palazzo construído em 1818 onde hoje funciona o Hotel de Russie, e só por aí já dá pra imaginar a magnificência desse lugar. O Russie é um dos melhores hoteis de Roma, e conto mais algumas histórias dele para que entrem na atmosfera.

Leia mais sobre a Italia:

Toscana: Pitigliano

Toscana: Sovana e Sorano

Roteiro 3 e 5 dias em Roma

Melhores hoteis de Roma

Roteiro Costa Amalfitana

Praias mais lindas da Italia

Onde ficar em Roma: história e glamour no de Hotel de Russie

Na Belle Epoque, o hotel foi ponto de encontro da realeza russa e de artistas e intelectuais da época. Além de Pablo Picasso, o poeta Jean Cocteau também frequentava o hotel, e Igor Stravinskij, um dos compositores mais importantes e influentes do século XX (o bar leva o nome dele).  O hotel também tem a Suite Nijinsky, inspirada pelo Vaslav Nijinski, considerado um dos maiores bailarinos de todos os tempos e frequentador assíduo do Russie.

Depois o palazzo ficou abandonado, o prédio foi ocupado por uma estação de televisão, fechado novamente e, em 2000, sob a batuta do selo Rocco Forte, foi reinaugurado. E assim, ao projeto de Valadier, somou-se o bom gosto de Olga Polizzi – a renomada designer inglesa de interiores e filha de Lord Forte – e o hotel ganhou toques contemporâneos na sua decoração.

A história e a sofisticação conferem uma aura muito particular ao Hotel de Russie, e é fácil  se ver envolvido por ela. O lobby palaciano do Russie exibe grandes arcos e luminárias de cristais, e conduz para um jardim interno onde funciona o restaurante Le Jardin de Russie, comandado pelo chef Fulvio Pierangelini. e onde em dias mais frescos é uma delícia tomar café da manhã ou fazer um lanche. Esse jardim belíssimo, com terraços e estátuas, se estende até o limites da Villa Borghese, e aqui pode-se também realizar casamentos.

 

Melhores hoteis de Roma: os quartos do Rússia

Os quartos do Hotel de Russie são amplos, com janelões que dão vistas ou para a Via del Babuíno ou para a Piazza del Popolo, e decorados com objetos e tecidos de design, num projeto assinado por Polizzi e Tommaso Ziffe (o mesmo da Academia Valentino). Todos com TVs enormes, banheiro de mármore e banheira, e amenities Forte produzidas com materiais orgânicos.

Algumas suítes têm varanda, e as mais especiais como a Suite Nijinsky são preciosos apartamentos com terraço, sala, cozinha (o hotel oferece, inclusive, o serviço de chef particular), e banheiro romano.

O hotel é tão family friendly, que fomos recepcionados com uma mesinha de doces e balas. Para os adultos, como boas vindas, receita e ingrediente para um drink. Ah,  quartos e suítes comportam camas extras para crianças e berços.

Hotel de Russie: varanda da suíte com vista para a Piazza del Popollo

Hotel de Russie: varanda da suíte com vista para a Piazza del Popollo

Onde ficar em Roma: a suíte do Hotel de Russie

Onde ficar em Roma: a suíte do Hotel de Russie

Nossa mesinha de boas vindas

A suite Nijinsky

Localização do The Russie

O hotel fica na Via del Babuíno, na esquina da Piazza del Popollo, a poucos passos da Via Margutta e a algumas quadras da Piazza di Spagna. É uma das melhores localizações de Roma. A Via del Babuíno concentra lojas de grife, cafés e restaurantes, e é um endereço prático e gostoso.

O hotel fica a poucos passos da Piazza de Spagna

Onde se hospedar em Roma: Spa do Hotel de Russie

Banho turco, saunas, piscinas aquecidas de água salinizada, rituais e tratamentos com produtos orgânicos e uma sala de ginástica fazem parte do Spa do Hotel de Russie, um oásis de relaxamento.

Gastronomia:

Prepare-se para pecar. O café da manhã do Hotel de Russie tem estação de sucos e comida detox, uma outra de croissants e pães caseiros, queijos, frios, doces, bruschettas, ovos feitos das mais diversas formas, waffles e crepes, e uma estação de café da manhã kids. No Hotel de Russie, a gente dorme pensando em acordar, de tão maravilhoso que é o café.

O dejejum é servido no salão e nos terraços do Le Jardim, onde também é possível almoçar uma dos melhores tagliatelle de Roma, ou um sanduíche gourmet e ainda lagostas grelhadas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.