12 cidades medievais para conhecer na França

cidades medievais na Franca: Collonge la Rouge

Que tal ir além de Paris e visitar outros lugares incríveis no país? Selecionamos 12 cidades medievais na França, lindas, históricas, culturais e pouco conhecidas. É uma viagem no tempo pelas mais diferentes regiões francesas.

França Medieval: Carcassonne

Patrimônio Mundial da UNESCO, Carcassonne é a cidade medieval fortificada mais conhecida da França (e perto da fronteira com a Espanha). As muralhas que circundam toda a cidade velha têm 3 quilômetros de extensão e podem ser vistas de longe. As 52 torres também se destacam no horizonte, ganhando destaque à noite, com uma iluminação cênica.

Dica: Os torneios de cavaleiros acontecem durante o verão e são espetáculos a parte dentro das muralhas. No site oficial de Carcassonne tem a agenda completa com todas as festividades durante ano.

Como chegar: De trem SNCF partindo de Paris, com escala em Marselha, ou Montpellier, ou Nice, ou Lyon, ou Perpignan, ou Nîmes e ou Toulouse.

Onde se hospedar:Soleil Vacances Hotel les Chevaliers & Spa tem uma vista única das muralhas de Carcassonne. Ou então fique dentro da cidade antiga no Les chambres d’Aimé.

Cidades Medievais na França: Carcassonne.

Cidades Medievais na França: Carcassonne.

As muralhas de Carcassonne, na França.

As muralhas de Carcassonne, na França.

O que fazer em Carcassonne: As ruas da cidade são muito pacatas e medievais.

O que fazer em Carcassonne: As ruas da cidade são muito pacatas e medievais.

Onde se hospedar em Carcassonne: Quarto do Soleil Vacances Hotel les Chevaliers & Spa.

Onde se hospedar em Carcassonne: Quarto do Soleil Vacances Hotel les Chevaliers & Spa.

Cidades medievais na França: Les Baux-de-Provence

Les Baux-de-Provence é um vilarejo único e inusitado para se visitar na França. Localizado na Provance, no topo de uma montanha, as fortificações cercam casas e construções medievais, datadas do século XI, que atualmente abrigam apenas lojinhas de lembranças e alguns poucos lugares para comer.

Dica: Não perca o Carrière des Lumiéres, uma projeção nos moldes do Ateliê de Lumières de Paris, com projeções digitais envelopando paredes ao ritmo de incríveis trilhas sonoras

Como chegar: 7h de carro de Paris. A estação de trem mais próxima fica em Avignon, 30 km de Les Baux-de-Provence.

Onde ficar: Os hotéis mais próximo da cidade são o Baumanière, muito charmoso e clássico, e o Le Mas D’aigret, rústico e lindo.

Legado medieval de Les Baux-de-Provence, na França.

Legado medieval de Les Baux-de-Provence, na França.

O que fazer em Les Baux-de-Provence: Subir a cidade medieval até o alto.

O que fazer em Les Baux-de-Provence: subir a cidade medieval até o alto.

Onde ficar em Les Baux-de-Provence: Hotel Baumanière.

Onde ficar em Les Baux-de-Provence: Hotel Baumanière.

Viagem França: Provins

Provins fica a 90km de Paris e é uma das cidades medievais mais preservadas da França. Ela é dividida em parte alta e baixa, que podem ser percorridas a pé em um dia. São no total 58 monumentos históricos, sendo a La Porte Saint-Jean e a Torre César as principais e imperdíveis.

Dica: A cidade recebe muitas feiras ao longo do ano. As principais são as medievais, em agosto, e a de natal, em dezembro.

Como chegar: Com o trem Transilien, partindo da estação Gare de l’Est, em Paris.

Onde ficar: O hotel mais bem avaliado da cidade é o Demeure des Vieux Bains, no centro.

Praça principal de Provins, na França.

Praça principal de Provins, na França.

A arquitetura de Provins, na França, tem raízes germânicas.

A arquitetura de Provins, na França, tem raízes germânicas.

Onde ficar em Provins: Hotel Demeure des Vieux Bains.

Onde ficar em Provins: Hotel Demeure des Vieux Bains.

Dicas França: Aigues-Mortes

A tradução para Aigues-Mortes é “Águas Mortas”, referência às salinas que ficam nas proximidades. A cidade foi idealizada e construída por Luís IX no século XIII, antes de partir para a Sétima Cruzada.

O principal ponto de visita é a Tour de Constance, que serviu de prisão para mulheres protestantes. Hoje, a torre serve como ponto de observação.

Dica: Em agosto acontece a Festa de São Luis, com encenações medievais, desfiles, luta de cavaleiros e uma feira especial com comidas.

Como chegar: de trem, 5h com baldeação em Nîmes Centre (bilhetes pela Trainline), ou 7h de carro (partindo de Paris).

Onde se hospedar: Fique hospedado na cidade antiga, em hotéis clássico como o Boutique Hôtel des Remparts & Spa e o La Villa Mazarin.

Cidades medievais para conhecer na França: a muralha que cerca Aigues-Mortes.

Cidades medievais para conhecer na França: a muralha que cerca Aigues-Mortes.

O que fazer em Aigues-Mortes: Portão de entrada e ruas da cidade.

O que fazer em Aigues-Mortes: Portão de entrada e ruas da cidade.

As salinas de Aigues-Mortes, na França.

As salinas de Aigues-Mortes, na França.

Onde ficar em Aigues-Mortes: Hotel Boutique Hôtel des Remparts & Spa.

Onde ficar em Aigues-Mortes: Hotel Boutique Hôtel des Remparts & Spa.

Cidades medievais na França: Avignon

Avignon já foi a capital da igreja católica na Idade Média. Hoje, as muralhas medievais que protegiam o papado ainda cercam o antigo centro, onde ficam bons restaurantes e hotéis. Além de caminhar pela fortificação, a ponte que atravessa metade do rio é o destaque.

Dica: fique do olho no Les Luminessences d’Avignon, um evento que mistura luz projetada nas construções históricas e sons.

Como chegar: de trem TGV, partindo de Gare de Lyon, em Paris.

Onde ficar: Gostamos do moderno Mercure Pont d’Avignon Centre e do romântico La Mirande.

Cidades medievais para conhecer na França: A ponte icônica de Avignon.

Cidades medievais para conhecer na França: A ponte icônica de Avignon.

Construções medievais de Avignon, em França.

Construções medievais de Avignon, em França.

O que fazer em Avignon: praça charmosa da cidade antiga.

O que fazer em Avignon: praça charmosa da cidade antiga.

Onde ficar em Avignon: Mercure Pont d’Avignon Centre.

Onde ficar em Avignon: Mercure Pont d’Avignon Centre.

França Medieval: Conques

Localizada entre os rios Dourdou e Ouche fica a vila medieval de Conques, na região centro sul da França.

As ruas estreitas e antigas são inacessíveis para os veículos, mantendo assim uma atmosfera pacata e preservada. A principal construção é a Igreja de Sainte Foy, mas toda as ruas e ruelas escondem prédios incríveis, muitos que servem de loja e restaurantes intimistas.

Dica: Conques faz parte do Caminho de Santiago de Compostela e você verá os peregrinos pela cidade, se abrigando durante a passagem pela cidade.

Como chegar: ou 6h de carro, partindo de Paris, ou de trem, parando em Rondez e seguindo de ônibus para Conques. Trem pela SNCF e ônibus pela LIO.

Onde ficar: Conques é um vilarejo muito pequeno e com poucas pousadas. No centro, há a Sainte Foy e na redondezas a Hôtel-Restaurant Hervé Busset.

Roteiro medieval pela França: Ruas de Conques.

Roteiro medieval pela França: Ruas de Conques.

O que fazer em Conques: Igreja de Sainte Foy.

O que fazer em Conques: Igreja de Sainte Foy.

Em Conques, na França, não entram veículos.

Em Conques, na França, não entram veículos.

Onde ficar em Conques: Hôtel-Restaurant Hervé Busset.

Onde ficar em Conques: Hôtel-Restaurant Hervé Busset.

Roteiro medieval na França: Rocamadour

Rocamadour é uma vila com menos de mil habitantes, construída em um rochedo no sudoeste da França.

São mais de 200 degraus para chegar na parte mais alta e ter uma vista espetacular da região. Apesar de pequena, ela é muito visitada, já que está na rota religiosa do parte sul do país, recebendo peregrinos diariamente.

Dica: Suba na parte alta da cidade antes do fim do dia, para ver um pôr-do-sol magnífico.

Como chegar: dá para chegar de trem, 5:30h, com uma parada em Brive La Gaillarde, ou 5h de carro de Paris.

Onde ficar: O hotel que fica instalado nos rochedos da cidade é o Hotel Beau Site, com quartos com vista incríveis e bom serviço.

Cidade de Rocamadour, na França.

Cidade de Rocamadour, na França, na luz dourada do pôr do sol.

Ruas e muitas escadas de Rocamadour, na França.

Ruas e muitas escadas de Rocamadour, na França.

Cidades medievais na França: muitas contruções de Rocamadour ficam nos rochedos.

Cidades medievais na França: muitas contruções de Rocamadour ficam nos rochedos.

Onde ficar em Rocamadour: Hotel Beau Site.

Onde ficar em Rocamadour: Hotel Beau Site.

Dicas França: Laon

Laon, é outra jóia medieval que vale a pena visitar. Como quase todas as cidades fortificadas do país, ela fica no alto de uma cordilheira, com vista para as planícies da Picardia e Champagne.

A catedral da cidade serviu de referência para construção da Notre-Dame em Paris, com grandes torres e galerias com arcadas.

Dica: Não deixe de fazer o passeio “Secrets sous la Ville“, que passa pelos túneis subterrâneos de Laon. Custa 8 € por pessoa e leva aproximadamente 30 minutos.

Como chegar: Menos de 2h de carro ou de trem (pela SNCF) de Paris.

Onde ficar: O melhor hotel é o Logis du Parvis, bem na frente da Catedral.

Cidades medievais para visitar na França: portão de entrada para Laon.

Cidades medievais para visitar na França: portão de entrada para Laon.

França medieval: ruas de Laon.

França medieval: ruas de Laon.

Catedral de Laon, na França.

Catedral de Laon, na França.

Cidades medievais para visitar na França: Montrésor

Montrésor é uma vila de contos de fadas com uma história rica. Além da fortaleza do século 11, há para visitar um impressionante castelo renascentista e a igreja de Saint-Jean-Baptiste abriga a obra Anunciação, de Philippe de Champaigne.

Em 1849, Xavier Branicki, conde polonês e amigo de Napoleão III, restaurou o castelo e trouxe esculturas de Pierre Vaneau, além de pinturas renascentistas italianas e holandesas.

Dica: Faça uma caminhada até a Ponte Jardinier, construída na oficina de Gustav Eiffel.

Como chegar: 3h de carro de Paris.

Onde ficar: O único hotel da cidade é o Le Moulin de Montrésor, simples, porém aconchegante.

Casas medievais em Montrésor, na França.

Casas medievais em Montrésor, na França.

O que fazer em Montrésor: O castelo da cidade.

O que fazer em Montrésor: O castelo da cidade.

Belezas medievais de Montrésor, na França.

Belezas medievais de Montrésor, na França.

Onde se hospedar em Montrésor: Le Moulin de Montrésor.

Onde se hospedar em Montrésor: Le Moulin de Montrésor.

Cidades para conhecer na França: Collonges-la-Rouge

Uma das vilas medievais mais lindas da França. A pequena e charmosa Collonges-la-Rouge recebeu esse nome pelo tom avermelhado, dos tijolos, que está presidente em todas as casas e construções da cidade.

Foi fundada século VIII e até hoje os moradores locais preservam as tradições e costumes pacatos do local. Como destaque, a igreja do século XI, que tem uma torre de vigia da mesma época.

Dica: O Le Cantou Restaurant tem um terraço delicioso e pratos bem locais. Vale almoçar por lá.

Como chegar: Pouco mais de 5h de carro de Paris. A estação de trem mais próxima é a de Brive-la-Gaillarde, a 30 minutos de Collonges-la-Rouge.

Onde ficar: O hotel nas redondezas é o Le Relais du Quercy, que fica no vilarejo vizinho Meyssac.

França medieval: todas as contruções de Collonges-la-Rouge são de tijolos iguais.

França medieval: todas as contruções de Collonges-la-Rouge são de tijolos iguais.

Lugares fofos em Collonges-la-Rouge, na França.

Lugares fofos em Collonges-la-Rouge, na França.

12 cidades medievais para conhecer na França: mais de Collonges-la-Rouge.

12 cidades medievais para conhecer na França: mais de Collonges-la-Rouge.

Onde se hospedar em Collonges-la-Rouge: Le Relais du Quercy.

Onde se hospedar em Collonges-la-Rouge: Le Relais du Quercy.

12 cidades medievais para conhecer na França: Gordes

No topo de uma colina em Monts de Vaucluse, cercada campos de trigo, Gordes é uma típica vila provençal perto do maciço de Luberon, a uma hora de Avignon.

As ruas estreitas e casas de pedra atraíram e atraem artistas de todo o país. De atrações, a Abbaye de Sénanque, do século XII, o Moulin des Bouillons, um antigo moinho de azeite, e o Musée du Vitrail, que conta a história dos vitrais.

Dica: Todo ano a cidade recebe o Festival de Gordes. Antes de viajar veja a programação e data do evento.

Como chegar: 7:30h de Paris e 1:30h de Marselha.

Onde ficar: A experiência na cidade fica completa com hospedagem nos históricos La Bastide de Gordes ou no Mas des Romarins.

Fim do dia em Gordes, na França.

Fim do dia em Gordes, na França.

Cidades medievais na França: ruas de Gordes.

Cidades medievais na França: ruas de Gordes.

Mais de Gordes, na França.

Mais de Gordes, na França.

Onde ficar em Gordes: La Bastide de Gordes.

Onde ficar em Gordes: La Bastide de Gordes.

França dicas: Narbonne

Por fim, mas não menos importante, o vilarejo de Narbonne, no litoral sul da França.

A pesar de não ser muito grande e populosa, a cidade tem construções lindas, como a Cadetral de Saint Just e a ponte Merchans, onde aconteciam travessias de comerciais.

Dica: Indispensável um pulo no Las Halles, mercado local com venda de mel e vinhos.

Como chegar: Fica no litoral sul da França, a 8h de Paris e 2:30h de Marselha. Também dá para ir de trem, partindo da estação Paris Gare de Lyon, em uma viagem sem paradas de 4:30h. Passagens pela Trainline.

Onde ficar: A melhor localização é no centro, nos hotéis Chambre d’Hôtes Villa AmbrosiaCouvent des Carme.

Catedral de Narbonne, na França.

Catedral de Narbonne, na França.

França medieval: prédios históricos de Narbonne.

França medieval: prédios históricos de Narbonne.

Mais de Narbonne, na França.

Mais de Narbonne, na França.

Onde ficar em Narbonne: Chambre d'Hôtes Villa Ambrosia.

Onde ficar em Narbonne: Chambre d’Hôtes Villa Ambrosia.

Leia também:

Canal do Midi na França: Guia completo

Roteiro sul da França e Itália

O que fazer em Paris: um guia para adultos e crianças

Bate-volta de Paris: cidades lindas para ir de trem

Quando custa viajar para Paris

40 Lugares diferentes em Paris, bairro a bairro

4 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.