Semana Santa em Ouro Preto

A primeira vez que passei a semana santa em Ouro Preto foi quando eu tinha 10 anos. Meus pais me levaram, e acho que foi uma das viagens mais mágicas da minha infância.  Anos mais tarde, numa turma de alunos capitaneada pelo mestre Walter Firmo, voltamos a Ouro Preto numa expedição fotográfica atrás de cliques criativos feitos com máquinas analógicas. Pelo menos vinte anos se passaram entre uma viagem e outra, e o deslumbramento foi o mesmo. Esse ano, como em todos os domingos de Páscoa, o ritual se repete. E vale à pena conferir.
semana santa em ouro preto

Roteiro Ouro Preto: Os tapetes coloridos enfeitam Ouro Preto na Semana Santa

Semana Santa em Ouro Preto

Semana Santa em Ouro Preto: Igreja refletida no instrumento musical usado para o desfile

O que quero dizer com isso é que a semana santa em Ouro Preto é o tipo de viagem para qualquer idade. Poucos lugares em Minas são tão vibrantes quanto Ouro Preto, sede de uma Universidade Federal e foi tomada por repúblicas de estudantes. É uma cidade alegre, cheia de gente pelas ruas, com restaurantes, tavernas, teatros, festivais. E isso em meio um cenário de época belíssimo. Ouro Preto foi o primeiro sítio brasileiro listado como patrimônio da humanidade pela Unesco, em 1980, e tem um dos melhores conjuntos do barroco nacional. Além das igrejas com obras do Aleijadinho e adornadas com ouro, a cidade tem um casario colonial conservado que resgata o charme da antiga Vila Rica.
E na semana santa, tudo é ainda mais divertido e interessante. Num ritual que se repete há 200 anos, a cidade é coberta por tapetes feitos com pó colorido de serragem, café e cal, formando desenhos de todos os tipos. Nas casas, as janelas ganham tapetes de fuxico, rendas, flores. Adoramos ficar ali com o pessoal, vendo os tapetes serem feitos. Os moradores passam a madrugada de sábado para domingo nesse processo, e aí tem música, seresta, café quentinho, pão de queijo. E papeando, dá pra pegar uma carona e botar a mão na massa junto com eles.

 

Dicas Semana Santa em Ouro Preto

Dicas Semana Santa em Ouro Preto: Nas casas há toalhas de fuxico que acompanham a decoração dos tapetes

No dia seguinte, logo pela manhã, a procissão sai pelas ruas, percorrendo o caminho dos tapetes. Na sequência da festa religiosa, fanfarras tomam da cidade, e tudo culmina com uma  a irreverente  Malhação de Judas.

E a viagem tem uma vantagem gigantesca: em Ouro Preto não precisa alugar carro (e nem deve, porque a cidade é para ser explorada a pé), e dá pra chegar de ônibus.

Além da tradição da Semana Santa, aproveite para conhecer toda a parte histórica da cidade, que é riquíssima. Vamos listar aqui os pontos imperdíveis que mais gostamos, começando pelas igrejas, que ficam espalhadas por todo Ouro Preto.

  • Igreja de São Francisco de Assis: é um dos legados do estilo barroco, projetada por Aleijadinho. Foi inaugurada em 1771 e até hoje é umas da principais do roteiro religioso de Ouro Preto.
  • Basílica Menor de Nossa Senhora do Pilar: Foi construída durante o Ciclo do Ouro em Minas Gerais e segue o estilo colonial Português. Ela fica na Praça Monsenhor Castilho Barbosa, no centro da cidade.
  • Igreja São Francisco de Paula: Foi a última igreja a ser construída no período colonial, finalizada em 1898. Ela fica em um ponto alto, com vista panorâmica de Ouro Preto.
  • Igreja de Nossa Senhora do Rosário: outra pérola do estilo barroco. Foi construída em 1715,  no lugar de uma antiga capela que abrigava o Santíssimo Sacramento. Fica no centro bairro do Rosário, em uma parte alta.
  • Igreja Nossa Senhora do Carmo: é um exemplar das misturas de estilos colonial, barroco e rococó. Foi projetada por Manuel Francisco Lisboa, pai de Aleijadinho, e modificado pelo filho posteriormente. É uma das mais belas de Ouro Preto.
  • Igreja de Nossa Senhora da Conceição: é onde está sepultado o corpo de Aleijadinho, mestre do barroco no Brasil. Está temporariamente fechada para reforma, mas é possível ver de fora os detalhes da construção.

Outra atividade para não perder na Semana Santa em Ouro Preto são os Museus. Muitos são sobre a atividade artística local, como o Museu Aleijadinho, o Museu Casa Guignard, o Museu do Oratório, mas há aqueles reservados a história, como o Museu da Inconfidência e o Museu Casa dos Contos.

Se gostar de atividades ao ar livre e ecoturismo, Ouro Preto não decepciona. São inúmeras cachoeiras na região, boa parte delas no Parque Municipal das Andorinhas. O local é sinalizado e há trilhas de todos os níveis, inclusive as mais leves para ir com crianças. Outro é o Parque Estadual do Itacolomi, ao sul de Ouro Preto, que além tem também um parque infantil próximo a entrada e atividades como arvorismo.

Onde ficar: Semana Santa em Ouro Preto

Para se hospedar na Semana Santa,  Pousada do Mondego é incrível, tem um café da manhã maravilhoso, e faz parte do Roteiro de Charme. A pousada fica numa das melhores localizações de Ouro Preto, do lado de Igreja São Francisco de Assis e da Praça. Outras boas opções são  o Solar do Rosário Hotel Pousada do Arcanjo.

Onde ficar em Ouro Preto

Onde ficar em Ouro Preto: Casario da Pousada do Mondego

Hotéis em Ouro Preto

Hotéis em Ouro Preto: Quarto da Pousada do Mondego

Melhores hotéis de Ouro Preto

Melhores hotéis de Ouro Preto: Fachada do Hotel Solar do Rosário

Onde se hospedar em Ouro Preto

Onde se hospedar em Ouro Preto: Quarto do Hotel Solar do Rosário

Onde comer em Ouro Preto:

Se tem um lugar no Brasil com comida farta, esse lugar é o Estado de Minas Gerais e Ouro Preto está incluído nisso. Para experimentar a autentica comida mineira, sugerimos os restaurantes Bem Te ViBené da FlautaContos de Réis, bem no centro. Os menus são regados de delícias locais, tanto salgadas quanto doces.

Se bater uma fome durante a tarde e quiser parar em um café, nossos favoritos são o Villa Koa Boutique, com opções vegetarianas no cardápio, e o Império do Café.

semana santa em ouro preto

Viagem Ouro Preto: As cores tomam conta das ruas de Ouro Preto

Viagem Ouro Preto

O que fazer em Ouro Preto na Semana Santa: Detalhes da caminhada pelos tapetes

Semana Santa em Ouro Preto

Semana Santa em Ouro Preto: Imaginação é a regra para fazer os desenhos do tapetes serragem

Roteiro Ouro Preto

Roteiro Ouro Preto: Os músicos da procissão

Atrações em Ouro Preto

Atrações em Ouro Preto: As fantasias também tomam conta da festa

Dicas Ouro Preto

Dicas Ouro Preto: A cidade se colore de todas as maneiras

Semana Santa em Ouro Preto

Semana Santa em Ouro Preto: Igreja de Nossa Senhora das Mercês vista de longe

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.