Onde ficar na Jamaica: Goldeneye, o hotel do 007

Na recepção, um carro vem nos buscar. O motorista atravessa uma estrada margeada por um rio e vegetação densa, até chegar aos bangalôs do Golden Eye, na Jamaica. O isolamento dá uma aura ainda mais secreta ao mítico hotel, que foi casa do escritor Ian Fleming, e cenário onde ele se inspirou para escrever a saga 007. Depois disso, a propriedade foi comprada por Bob Marley, e então pelo seu empresário Chris Blackwell, que finalmente deu forma ao hotel. Deu pra imaginar o naipe?

Golden Eye: o melhor hotel boutique da Jamaica

A gente atravessou o Caribe e para conferir como é esse oásis. Ao contrário da maioria dos resorts all inclusive do Caribe, ficar no Golden Eye é uma experiência singular e super pessoal, e também super jamaicana.

golden eye melhores hoteis jamaicagolden eye 2golden eye huts

Os bangalôs são praianos até o último suspiro, lindos. Do lado de fora, bambu, muito verde, e paredes de madeira colorida com inspiração Chattel.  No interior, tudo muito fresh e clean: nosso bangalô família tinha dois arejados andares, com varanda, camas grandes com dossel, roupões atoalhados e macios como neve. Tudo branco e com detalhes coloridos. O clímax é a banheira retrô ao ar livre, e uma estação de som com uma playlist que incluía uma seleção pessoal de Blackwell. Um hotel fiell às suas lendas.

bangalos do golden eye   golden eye hut 1 golden eye hutgolden eye quarto golden eye varanda golden eye bangalogolden eye banheira

 

São 55 bangalôs lindos assim, espalhados por um terreno enorme – 2 Ocean View Villas e 9 Beach Huts na beira da praia, outros 27 Beach Huts entre o mar e o cliff, e mais  6 cottages na beira da lagoa, na verdade um braço de mar com água esmeralda cristalina.

E ainda três piscinas – além da cove para snorkel – , e muitas sombras, espreguiçadeiras e um parquinho com brinquedos esculturais de madeira.

golden eye jamaica onde ficar golden eye onde ficar na jamaica golden eye vista golden eye pool

Mas, quem precisa de piscina, se o Golden Eye tem – além da lagoa esmeralda –  duas praias particulares lindas. E com SUP e caiaques. Nós pegamos as pranchas, remamos pelo mar cristalino, e depois atravessamos pela lagoa.

DCIM100GOPROG0040155.JPG

jamaica praias

DCIM100GOPROGOPR0286.JPG

DCIM100GOPROGOPR0056.JPG

golden eye praia golden eye beach

 

Depois, almoçamos no Bizot Bar uma salada fresquíssima e feita com ingredientes locais, enquanto Juju pediu um espaguete com molho de tomate feito sob medida (não tinha no cardápio, e esse é um dos bônus de ficar em hoteis assim. Há sempre um jeito de atender pedidos personalizados).

O Bizot também é onde servem o café da manhã, de frente pro mar, e pra piscina de borda infinita. O bar-restaurante tem as paredes cobertas de capas de discos – relíquias da gravadora Tuff Gong – e pôsteres. O café da manhã é incrível, com panquecas, waffles, frutas, iogurtes, ovos de todos os jeitos, pães e sucos – verdes, inclusive.

golden eye cafe da manha golden eye bizot bar

E além de tudo hotel ainda kidsfriendly. O Golden Eye é super romântico, mas também é super família. A única parte ruim de tudo isso? Voltar pra casa. 🙂

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.