Dicas de Edimburgo: o que fazer e os melhores passeios

edimburgo-o-que-fazer

Edimburgo é um dos destinos mais impressionantes da Europa. Capital da Escócia desde 1437, cheia de lendas e histórias de caça às bruxas e guilhotinas, e gótica até o ultimo tijolo, a cidade tem um skyline desenhado por torres e monumentos pontiagudas, campanários, e um misterioso castelo de pedra. De perto, é um emaranhados de ruas com restaurantes, lojas diferentes, gente alegre e artistas tocando o fole tradicional das Higlands. Por baixo, uma outra cidade se esconde em labirintos de celas e masmorras, usadas nos anos da peste negra. Isso tudo faz de Edimburgo uma cidade linda, vibrante e… fantasmagórica. No post de hoje, a gente reúne Dicas de Edimburgo, com os melhores passeios, o que fazer com crianças, passeios de terror e muito mais.

Quanto tempo ficar em Edimburgo

Para nós, foi uma viagem absolutamente surpreendente. Adoramos Edimburgo. Ficamos 3 noites e foi um tempo razoável para conhecer bem e com calma. Mas não deu para fazer o passeio pelo Lago Ness e pelas Highlands. Para isso, seriam necessários mais um alguns dias, porque com crianças o ritmo é mais lento e o excesso de deslocamentos pode tornar tudo estressante e chato para ela. Então nosso roteiro ficou assim: Londres (5 noites) e York (2 noites), Edimburgo (3 noites) e Brighton (um dia).

⇒ VEJA AQUI ONDE SE HOSPEDAR EM LONDRES ⇐

Dicas de Edimburgo Dicas de Edimburgo

edimburgo6

O que fazer em Edimburgo: os roteiros de fantasmas

E há muito o que fazer na cidade. Umas das dicas de edimburgo é fazer os roteiros de fantasmas, que misturam história, arquitetura e diversão. É um programa bacana para adultos e crianças. Lá, várias companhias oferecem  tours (diurnos e noturnos) que conduzem o viajante por cemitérios, becos e pelo subterrâneo desfiando lendas e histórias de assombração. Alguns como o The Ghost Bus Tour contam com uma super produção, com atores vestidos à caráter e um ônibus roxo com esqueletos à espreita. Há também os passeios à pé, como o do The Dark Side, em que o guia narra histórias e lendas de maneira bem humorada, sem truques ou sustos. Ambos podem ser feitos por problemas.

Já o Edimburgh Dungeon tem um roteiro teatral e bem divertido de sustos que percorre os porões de uma antiga casa perto da estação de trens. E no fim, tem uma espécie de “kaboom” mal assombrado. Imperdível, tá?

VEJA AQUI ONDE SE HOSPEDAR EM EDIMBURGO⇐

IMG_3467_copy edimburgo12

edimburgo dungeon1

Roteiros Harry Potter em Edimburgo

Saindo do terror e entrando no universo mágico, Edimburgo também  foi lar da escritora J. K. Rowling, autora da saga Harry Potter, e foi na cidade que ela escreveu o primeiro livro da série. Fãs e curiosos podem fazer o roteiro Harry Potter em Edimburgo e acompanhar os passos e inspirações da autora,  ver os cafés onde  Rowling passava as tardes escrevendo, a escola que inspirou Hogwarts, se deparar com a verdadeira Câmara Secreta e descobrir que os nomes de muitos personagens (como Macgonagall e Tom Riddle) vieram das lápides do cemitério Greyfriars.

 

roteiro harry potter em edimburgo

edimburgo2edimburgo3

Museus  (divertidos) de Edimburgo

Outra atração imperdível para famílias é a Câmera Obscura,  um museu interativo de 5 andares que utiliza física, ilusões de ótica, jogos e alguns truques para enganar e entreter os seus visitantes. O mais legal é que você pode participar, tocar, brincar, mexer, tudo faz parte da brincadeira. E tem também o (espetacular) Museu Nacional da Escócia, com muitas obras de arte e experimentos interativos de ciências.

 

edimburgo

 

edimburgo com familia

Passeio pelas ruas da cidade: a Royal Mille, Princess Street e Hight Street

Já para bater perna e mergulhar na cidade e nas suas ruas lindas, a dica é rumar para a Royal Mille, George,  Princess Street e a High Street (essa leva até o castelo). As fotos abaixo mostram essas ruas todas que – além dessa arquitetura gótica linda, com prédios de pedra escurecida,- têm lojinhas com artigos diferentes e criativos de vestuário e decoração, e ótimos cafés.

IMG_3549_copy

IMG_3288_copy IMG_3303_copy

IMG_3703_copy  IMG_3814_copyIMG_3452_mg_3613-copia

 Onde ficar em Edimburgo

Ficamos hospedados em dois hotéis: o primeiro deles foi o Braid Apartment, do Fountaincourt. É uma opção bem prática para quem viaja com família, porque tem dois quartos, sala, cozinha, dois banheiros. E fica na 27 Thistle Street, a um quarteirão da Queen Street. O outro hotel foi o Nira Caledônia, um boutique super charmoso, com quartos clássicos e uma das vistas mais exuberantes de Edimburgo. Esse era exatamente o pôr-do-sol da janela do nosso quarto. (Veja aqui outras opções de hotel em Edimburgo)

Como Chegar

Voamos de British Airways, a melhor companhia inglesa, e fomos de World Traveller Plus. É uma classse intermediária entre a econômica e a executiva, que custa uma média de US$200 a mais, e que vale muito à pena. É super confortável e tem serviço de bordo diferenciado. Depois, pegamos o trem para York (2 horas) e viemos de York para Edimburgo (mais 2h de trem, por paisagens lindas)

 

Dicas de Edimburgo

*** O Juju na Trip viajou para Londres com apoio do Visit Britain e da British Airways

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Current ye@r *